Orientação Vocacional

Hoje ao jantar o meu marido voltou à mesma conversa:

“O teu filho não sabe o quer! Um dia quer ser médico como aqueles que dão na televisão, a semana passada queria ser marinheiro e ontem disse que queria ir para um clube de futebol porque queria ser o próximo Cristiano Ronaldo! Eu estou para ver quando for a altura de escolher que caminho vai escolher na escola. Eu estou para ver”

 

Pois, estás tu e estou eu. Eu não o vejo interessado em nada em particular. Eu também pergunto o que ele gostava de ser quando for grande e ele ou esquiva-se com um “Não sei mãe!” ou então dispara uma daquelas profissões que têm o mesmo de improváveis como de irrealizáveis.

 

Já não sei o que fazer. Tenho medo de errar e de comprometer o futuro do meu Pedro

 

A escolha de um percurso académico pode causar mil e uma dores de cabeça. As alternativas de escolha são muitas e as implicações relacionadas com o seu futuro profissional são grandes, tornando-se muitas vezes uma decisão difícil para um adolescente, que se encontra, ele próprio, numa fase de desenvolvimento marcada por muitas e exigentes mudanças.

 

O meu trabalho é ajudá-la a si e aos “Pedros” a encontrar o caminho certo.

Fale comigo!

 

 Juntos faremos um trabalho orientado de forma a refletirmos sobre as características pessoais – aptidões, habilidades e preferências vocacionais – e conhecermos as diversas profissões existentes.

 

Tudo para que a escolha de um percurso secundário e/ou universitário vá ao encontro da realização pessoal e profissional.

contacte-nos

Li e aceito a Política de Privacidade.