E tudo passa...
blog
Publicado: 27/07/2016
E tudo passa...

Hoje em dia ficamos muitas vezes a pensar e repensar sobre o que aconteceu ontem, procurando encontrar razões e justificações para os acontecimentos. Como se não houvesse espaço nem tempo para errar ou para pequenos desvios sobre o caminho que nos desafiámos a percorrer. Hoje agimos perante as coisas de acordo com as aprendizagens que tivemos durante esse caminho e amanhã voltamos a refletir sobre o acontecimento. Refletimos sobre as palavras que dissemos ou que queríamos ter dito. Refletimos sobre decisões que tomámos ou que queríamos ter tomado. Colocamos várias hipóteses perante a mesma situação e incluímos outras personagens como se de uma fantasia de tratasse. Destas reflexões surgem imagens, sons e sensações. Nestas fantasias são elaborados sentimentos que tantas e tantas vezes não são tomados em conta. Existem alterações de humor e sensações que ficam por decifrar. Coisas com as quais pode ser tão difícil lidar.

Hoje pensamos depois de agir… amanhã refletimos sobre o que poderia ter sido diferente. Porque muitos acham que “tudo passa”… e porque não acreditar nisso mesmo? Ou será que estamos a viver uma vida pensada e outra vida real? Somos efémeros! Vivemos sobre regras e padrões que nos são impostos por aqueles que nos rodeiam. Crescemos a acreditar que os adultos são as nossas pedras basilares, quando tantas vezes nem eles têm a noção do “faz de conta” que parece ser as suas vidas.

Refletir antes de agir pressupõe que não se vive com intensidade – dizem. Por isso, agimos e depois refletimos (quando refletimos..).  Procuramos ter um foco que nos faça encontrar o “sentido da vida”. Uns encontram-no logo cedo, outros levam todo o caminho à sua procura. Porque tudo passa… passa o tempo, passa a vontade, passa a tristeza, passa a alegria, passam as paixões e passam todos por nós, deixando um pouco de si e não indo sós, já dizia o poeta. Passa também a oportunidade de procurar fazer as coisas de diferente forma.

 Hoje… achamos que tudo passa… porém, tudo fica! Nós vamos… e tudo fica!

Marisa Romero